Yoga ou ioga – qual é o certo? Vamos descobrir hoje

Yoga ou Ioga? Se você já se deparou com essa dúvida, saiba que não está sozinho (a).

yoga ou ioga qual é o certor

Muitos praticantes e até mesmo aqueles que nunca pisaram em um tapete de yoga se perguntam qual é a grafia correta.

Afinal, será que existe um termo mais correto que o outro?

Neste artigo, vamos descobrir as origens dos dois termos e entender as diferenças básicas que podem existir entre eles.

Será que só muda escrita? Vamos desvendar esse mistério de vez!

Ioga ou Yoga? descubra a forma correta

Você já deve ter se deparado com a palavra yoga, escrita com ‘y’, em diversas ocasiões.

Por outro lado, a forma ioga, com ‘i’, também surge aqui e ali, de maneira mais discreta, mas igualmente válida.

Se existe alguma dúvida sobre qual termo adotar, não se preocupe: vamos esclarecer essa questão.

Do idioma sânscrito ao português Br

A palavra yoga vem do sânscrito e significa “unir”. Trata-se de um termo milenar, originário das ricas tradições da Índia.

Crie momentos de autocuidado e conexão onde e quando quiser: Aulas de yoga online

Com o passar do tempo e o uso constante em nosso vocabulário, ela acabou sendo incorporada ao português.

No momento de sua oficialização em nossa língua, optou-se pela grafia com ‘i’, adequando-a à fonética portuguesa.

A diferença entre as duas formas estão apenas na escrita. Enquanto ‘yoga’ é pronunciada com um ‘ô’ mais fechado (não precisa colocar o acento circunflexo), ‘ioga’ é dita com um ‘ó’ mais aberto.

No idioma português a palavra escrita com I é feminina.

E agora, resta a questão: qual das duas variantes você prefere utilizar, ioga ou yoga?

Uma questão de escolha

Considerando as diferenças apresentadas, você pode se perguntar se existe uma maneira totalmente correta de falar e escrever essas palavras.

A resposta é que ambas as formas são aceitas. A escolha entre ioga e yoga depende da sua preferência pessoal e do contexto em que a palavra será utilizada.

Seja qual for sua opção, o importante é praticar e desfrutar dos benefícios dessa atividade milenar.

Bom, acho que agora ficou claro essa questão, não é mesmo? Vamos aproveitar o momento e falar um pouco mais sobre o yoga ou a ioga.

Quem pode praticar yoga?

Apesar dos estereótipos que por vezes cercam essa prática ancestral, o yoga é uma porta aberta a todas as pessoas, independentemente da idade, cultura, objetivo pessoal ou crença religiosa.

Trata-se de uma filosofia de vida rica e de uma atividade que promove o equilíbrio entre corpo e mente.

O Yoga transcende qualquer barreira, convidando cada um a embarcar numa vida marcada por maior consciência, harmonia e alegria.

Uma prática inclusiva e transformadora.

blog yoga ou ioga qual é certo de escrever

O yoga constitui uma prática inclusiva que acolhe com entusiasmo todos os que se dedicam a compreender esta prática que vai muito além do tapete.

Esta prática milenar desafia estereótipos e padrões, provando ser acessível e benéfica para:

  • Crianças em busca de foco e diversão.
  • Adolescentes enfrentando as pressões da vida escolar.
  • Adultos em busca de alívio do estresse cotidiano.
  • Idosos que desejam manter a mente e corpo ativos.
  • Qualquer pessoa em busca de autoconhecimento e crescimento espiritual.
  • Indivíduos que almejam fortalecer a autoestima e o amor próprio.
  • Quem procura paz interior e maneiras de acalmar a mente agitada.
  • Aqueles que desejam aprender a gerir suas emoções com sabedoria.
  • Pessoas que buscam alívio para dores na coluna, joelhos ou outras articulações.
  • Quem almeja melhorar o desempenho físico, mental e a capacidade respiratória.
  • Qualquer um que tenha como meta a perda de peso de maneira saudável e integrativa.

O Yoga não conhece limites e se adapta às necessidades de cada um. Em sua essência, é um caminho de transformação e bem-estar que está aberto para você também.

A importancia da respiração na ioga

O yoga revela que existe uma conexão intrínseca e profunda unindo a respiração, a mente e as emoções.

Respirações curtas e superficiais podem ser indicativas de estresse e ansiedade, assim como podem desencadear essas condições, enquanto que uma respiração lenta e profunda é capaz de induzir a tranquilidade e o foco mental.

A respiração atua como uma ponte que liga o corpo à mente, o consciente ao subconsciente, afetando diretamente nosso estado emocional e físico.

A prática consciente da respiração no yoga nos proporciona um meio de compreender o estado dinâmico da nossa respiração, o que nos oferece percepções valiosas sobre o nosso estado mental e emocional.

Saia do automático praticando Yoga da sua casa, no seu tempo! Saiba Mais

O mais relevante é que a ioga nos fornece ferramentas para alterar ativamente esse estado, utilizando a respiração como um poderoso instrumento de transformação pessoal, conduzindo a uma vida mais equilibrada e plena.

Alguns benefícios do yoga

Há dezenas de benefícios físicos e mentais que a prática constante nos proporciona:

  • Estabiliza a pressão arterial;
  • Aumenta a flexibilidade;
  • Melhora o equilíbrio;
  • Tonifica os músculos;
  • Facilita a digestão;
  • Melhora a postura;
  • Diminui a dor nas costas;
  • Melhora a qualidade do sono;
  • Melhora a memória;
  • Relaxamento;
  • Aumenta autoconfiança e autoestima;
  • Compaixão pelos outros seres;
  • Mais empatia, paciência e otimismo
  • Ajuda e perder peso;

Só pessoas flexíveis podem fazer ioga?

A flexibilidade é resultado da prática constante da ioga, não é uma condição para fazê-lo.

Portanto, aqueles que têm dificuldade em mover seus membros avançarão gradualmente.

Existem posturas básicas que ajudam a abrir os quadris para algumas muito mais avançadas, onde é necessária mais flexibilidade na coluna vertebral e quadris.

Tipos de yoga

Existem vários tipos de ioga, mas de acordo com textos antigos, destacam-se: Hatha Yoga, que se refere à purificação do corpo através de exercícios físicos.

É o mais comum porque está associado às várias práticas físicas.

  • Bhakti Yoga é aquele que se expressa através da devoção e adoração a Deus.
  • Karma Yoga refere-se ao serviço incondicional a outros seres.
  • Gñana Yoga refere-se ao autoconhecimento, discernimento e estudo de textos filosóficos.
  • O Raja Yoga compreende oito preceitos da vida para alcançar a auto-realização.

Conclusão

Encerramos nossa jornada pelo universo do yoga ou ioga com um convite à reflexão e à prática.

Independentemente de qual grafia você escolhe usar, o que verdadeiramente importa são os benefícios e a transformação que essa prática milenar pode trazer para sua vida.

Ao longo deste artigo, desvendamos pequenas dúvidas e percebemos que, mais do que um exercício físico, o yoga ou a ioga é um caminho de autoconhecimento e de busca pela paz interior.

É uma ferramenta poderosa para o alívio do estresse, para a melhora da flexibilidade e para o fortalecimento do corpo e da mente.

Se você ainda não pratica, que tal dar o primeiro passo? Escolha o estilo que mais lhe agrada, um local confortável e permita-se vivenciar essa experiência.

Lembre-se de que a ioga ou o yoga são acessíveis a todos e podem ser adaptados às suas necessidades e limitações individuais.

Esperamos que este artigo tenha esclarecido suas dúvidas e incentivado você a integrar a ioga ou o yoga em sua rotina.

Sinta-se à vontade para explorar essa prática tão rica e descubra por si mesmo todas as maravilhas que ela pode oferecer.

Não importa a grafia que você prefira, o essencial é começar. Faça da ioga ou do yoga um aliado no seu bem-estar e na sua jornada de evolução pessoal. Namastê!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima