Asana viparita karani: postura das pernas na parede

Hoje vamos falar sobre Viparita Karani (pronúncia= vip-par-ee-tah car-AHN-nee). Simples e profundamente relaxante, a prática deste asana transcende o simples ato de colocar as pernas para cima.

postura viparita karani blog yoga ou ioga

Originária da milenar tradição do Yoga na Índia, essa posição é muito mais que um ásana comum. É uma chave para renovar o corpo e a mente.

A expressão Viparita Karani significa “ação invertida” e reflete perfeitamente a essência dessa prática: a inversão delicada e terapêutica das atividades cotidianas que impomos aos nossos corpos.

  • Restaura equilíbrio e harmonia
  • Proporciona alívio do estresse
  • Melhora a circulação sanguínea

Com uma abordagem gentil, a Viparita Karani é um elemento-chave nas sequências de Yoga restaurativa, buscando reverter os fluxos habituais do nosso corpo e oferecer uma gama de benefícios para a saúde.

Enquanto praticamos, melhoramos nossa digestão, consciência corporal e equilíbrio do sistema nervoso.

É uma postura excelente para promover uma respiração profunda.

Em um mundo onde estamos constantemente em movimento, encontrar maneiras de acalmar a mente e restaurar o corpo é essencial.

Viparita Karani surge como uma prática acessível para todos que desejam rejuvenescer e revitalizar o organismo de maneira suave, mas eficaz.

Aprimore a sua prática com os melhores acessórios para yoga: Escolha aqui

Vamos explorar os benefícios desta postura e como ela pode ser facilmente incorporada em sua rotina de Yoga no conforto do seu lar.

Continue lendo e veja como transformar algo tão simples em uma ferramenta poderosa para o seu bem-estar.

O que você precisa para praticar?

Para praticar Asana Viparita Karani é importante ter um espaço confortável e com tamanho suficiente para realizar a postura.

Atenção para não posicionar os pés muito perto de outros objetos, para que você possa praticar com segurança.

Pratique em um local tranquilo e silencioso para que possa aproveitar ao máximo a prática.

Além do seu tapete de yoga, você pode usar almofadas ou cobertores para realizar a postura.

Eles são essenciais para que o seu corpo esteja acomodado.

Ee preferir, você usar um travesseiro para dar mais suporte ao seu corpo e melhorar a postura.

Não esqueça de estar devidamente hidratado antes, durante e depois da prática.

Use roupas confortáveis para se mover livremente e que sejam muito apertadas, para que possa respirar bem.

Passos para praticar Viparita Karani

Viparita Karani pode ser executada com ou sem apoio, adaptando-se à sua estabilidade corporal.

O ideal é praticá-la entre as refeições, preferencialmente 4 a 5 horas após se alimentar.

Quando incorporada à rotina noturna, com regularidade, esta prática pode atuar como um calmante natural para melhor o seu sono.

  • Deite-se de costas no tapete de yoga alinhando seus ombros, joelhos e pés.
  • Inspire profundamente e flexione seus joelhos em direção ao peito.
  • Aproxime suas nádegas da parede, buscando apoio, e mantenha os pés firmes no chão e as mãos relaxadas ao lado do corpo.
  • Respire com naturalidade e deixe o corpo encontrar a calma.
  • Inspire profundamente e, ao expirar, eleve as pernas suavemente, alinhando-as com os quadris em um ângulo de 90 graus, com as solas dos pés apontando para o teto.
  • Abrir os braços em forma de T pode trazer uma sensação de abertura e relaxamento ainda maior.
  • Conte com a parede para sustentar a postura e manter o equilíbrio enquanto seu corpo forma um “L” invertido.
  • Com as pernas esticadas na parede, feche os olhos, mergulhe no relaxamento e afaste as distrações.
  • Continue respirando de maneira tranquila e mantenha a posição por 6 a 10 respirações ou entre 1 a 2 minutos.

Para fazer sem apoio da parede:

postura viparita karani yoga ou ioga
  • Utilize as mãos para ajudar a erguer o quadril, enquanto as pernas continuam elevadas.
  • Com apoio nas palmas das mãos e cotovelos, eleve o quadril ainda mais, atingindo um ângulo de 45 graus do chão.
  • Com as pernas esticadas, os dedos dos pés estarão apontando para cima.
  • Respire de forma constante e mantenha esta nova postura por cerca de 6 a 8 ciclos respiratórios.
  • Ao sair, faça-o com delicadeza, descendo as nádegas até o solo e, por último, as pernas.
    Evite movimentos bruscos.
  • Por fim, permita-se relaxar completamente, entregando-se a algumas respirações suaves e restauradoras.

No final da prática

Depois de praticar a Asana Viparita Karani, é importante tomar algumas medidas para garantir o bem-estar e relaxamento do seu corpo, alívio de qualquer tensão ou dor muscular.

Descance na posição da criança (balasana). Outra coisa boa a fazer é a prática de meditação.

Alimente-se adequadamente, ingerindo alimentos saudáveis para fortalecer o sistema imunológico e beber água o suficiente para auxiliar na desintoxicação do corpo.

Mantenha um horário de sono regular, você pode usar a prática do yoga nidra para te auxiliar nesta etapa.

Praticar Asana Viparita Karani é uma ótima maneira de melhorar a saúde e o bem-estar.

Como toda prática, é importante seguir algumas diretrizes para obter os melhores resultados e evitar lesões.

Portanto, é importante praticar com atenção, cuidado e orientação profissional, seja online ou presencial.

Benefícios da postura Viparita Karani

  • Reduz dor ciática.
  • Alivia cólicas menstruais.
  • Auxilia na regulação do metabolismo.
  • Postura relaxante
  • Diminui as varizes.
  • Trabalha o sistema linfático.
  • Reduz caimbras nas pernas.
  • Reduz dores na região lombar.
  • Melhora circulação sanguínea.
  • Diminuir tensões no corpo.
  • Mente mais focada.
  • Corpo energizado.

Precauções

O yoga deve ser praticado sempre obedecendo os limites do seu corpo.

Acessórios para yoga: tapetes, blocos, bolster, almofadas e mais - Escolha aqui

Se você está começando, a prática do Viparita Karani deve ser feita sob a supervisão de um instrutor de yoga qualificado, garantindo assim a execução correta da postura e um maior conforto durante o asana.

Você pode usar alguns equipamentos como almofadas, blocos, mantas e cintos.

O importante é ter cautela e observar os próprios limites. Se você sentir dores, desconforto ou qualquer sintoma anormal, interrompa imediatamente a prática.

Durante o seu período menstrual, é fundamental que você exerça cautela ao praticar o asana Viparita Karani.

Consulte seu profissional de saúde caso tenha dúvidas sobre a prática durante este período.

Se estiver grávida, priorize a sua segurança e a do bebê.

É aconselhável evitar a prática ou buscar a orientação de um profissional de saúde qualificado antes de prosseguir com o Viparita Karani.

Pessoas que enfrentam condições como pressão arterial muito elevada ou glaucoma devem se abster de realizar este asana, visando a proteção da própria saúde.

Lembre-se de que cada corpo é único e merece atenção especial.

Se experienciar algum desconforto ao realizar o Viparita Karani, não hesite em utilizar suportes para garantir a sua segurança e conforto.

Conclusão

A Viparita Karani é mais que uma simples postura de Yoga; ela é uma ponte que nos conecta a uma ancestral sabedoria capaz de rejuvenescer nossa mente e corpo.

Ao integrar essa prática em sua rotina, você não apenas adota um asana, mas acolhe um ritual de cuidado e atenção que pode transformar profundamente sua qualidade de vida.

Seja ao final de um dia longo ou como parte de sua prática matinal, respeitar o próprio ritmo é essencial.

A paciência e a constância trarão os frutos que Viparita Karani tem a oferecer: um sistema nervoso mais equilibrado, uma mente serena e um corpo revigorado.

Lembre-se, seu tapete de yoga é seu santuário, e cada movimento é uma celebração da vida.

Não subestime o poder das práticas milenares; elas carregam segredos para uma vidar plena e pacífica.

Viparita Karani é apenas uma das chaves para esse universo de bem-estar. Pratique com dedicação e carinho, e você poderá descobrir um oceano de tranquilidade em seu próprio ser.

E assim, a cada respiração, a cada elevação de pernas, você estará não só aliviando o corpo, mas também alçando o espírito.

Portanto, te encorajo a adotar a Viparita Karani e permitir que essa postura das pernas na parede seja sua aliada, te guiando por um caminho de saúde, harmonia e paz interior.

Acessórios para yoga - tudo pra você evoluir a sua prática: Escolha aqui

Que seus dias sejam repletos de momentos tão restauradores quanto a prática dessa postura e que sua jornada no Yoga seja sempre iluminada pelo conhecimento e pela sabedoria que cada asana pode proporcionar.

Leia também: Urdhva halasana – a postura do arado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima